quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Duas portas

Duas portas

Muitos dizem não ter fé para obedecer, porém, têm fé (coragem) para desobedecer. Não têm fé (coragem) para fazer o que é certo, mas têm fé (coragem) para fazer o que é errado.

Conhecendo bem a criatura humana, o Altíssimo, de forma justa e perfeita, tem colocado a bênção ou a maldição nas mãos de cada um. E cada um tem o poder de escolher o bem ou o mal, sem depender de ninguém, justamente para não ter como colocar a culpa de suas mazelas em outros.

Mesmo sendo fruto de um estupro, crescido num lar infernal, ainda assim, na idade adulta, a pessoa tem consciência do que é certo ou errado, justo ou injusto. Nesse caso, ela, e somente ela, pode optar pela bênção ou maldição.

O caminho da bênção é o caminho da justiça, do que é correto, da disciplina e de Deus. É um caminho difícil e penoso porque contraria a maioria deste mundo. O Senhor Jesus ensinou e ordenou:

"Entrai pela porta estreita… E porque a porta é estreita, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem." Mateus 7.14

Mas o caminho errado é o mais fácil. Não há sacrifícios da vontade pessoal. Dinheiro fácil, vida fácil, tudo é muito fácil. Mas o Senhor também alerta:

"… porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela." Mateus 7.13

É muito importante notar, especialmente, duas palavras do Senhor: poucos e muitos. Quer dizer, enquanto poucos escolhem o caminho penoso, o caminho do sacrifício para viver na disciplina da Palavra de Deus (a bênção), muitos não abrem mão das facilidades que o inferno disponibiliza (maldição).

Preste atenção nesta pergunta e responda: Você tem sido corajoso (fé) para obedecer à Palavra de Deus e covarde (medo, dúvida) para seguir desobedecendo aos desejos do coração ou você tem sido covarde (medo, dúvida) para obedecer à Palavra de Deus e corajoso (fé) para seguir os desejos do coração?

Os sinceros sempre acham lugar para o arrependimento e salvação.

Escrito originalmente no blog do Bispo Edir Macedo.

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Pornografia e masturbação: cuide do seu físico...


Resultado de imagem para atividade fisica

A dica de hoje se refere ao físico. A prática de atividades físicas liberam endorfina no cérebro liberando a sensação de felicidade e menos estresse. Não importa se é uma caminhada, natação ou partida de futebol...

Quando não nos exercitamos, o sedentarismo, o estresse e a ansiedade também podem ser fatores que levam a prática do vício na masturbação.

Outra dica é sempre se manter ativo fisicamente também em casa. Um exemplo: a mente está vazia? Se mova! Nem que seja para fazer um café, lavar louça, limpar a casa do papagaio ou do cachorro; ou ainda colocar as roupas para lavar na máquina (e na falta desta, lavar na mão mesmo - melhor ainda - mais tempo ocupado). Certamente existirá atividades a fazer ao seu redor! É só procurar!

Ainda com relação ao seu físico evite deitar sem vontade de dormir. E ao dormir experimente deitar de lado - assim ficará menos propenso(a) a tocar em alguma superfície e se excitar provocando a masturbação.

Use sua cama para dormir. Evite fazer nela exercícios como assistir televisão, filmes ou usar o computador ou celular. A tentação pode bater e você pode sacramentar tudo ali mesmo... Use sua cama para o exercício do sono!

Com relação ao banheiro evite a presença demorada nele... Não precisa explicar o motivo...

Pode parecer bobagem para alguns mas o mal trabalha E MUITO nestas brechas nos escravizando no vício, no descontrole e na imoralidade.

Além das dicas para o físico medite nestes versos e alie o espiritual neste processo:

"Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós." Tiago 4:7

"... fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo." Efésios 6:10,11

Quando Deus nos criou, nos orientou a dominar sobre peixes do mar e aves do céu (Gênesis 1:29).

Se fomos orientados pelo Criador a DOMINAR as demais coisas ao nosso redor, será que Ele se agradaria de ver Sua principal criação DOMINADA e guiada pelo próprio órgão sexual????

Medite nisso e seja impelido a DOMINAR seus impulsos se voltando para Deus com a ajuda do Espírito Santo, e claro, fazendo SUA PARTE neste processo.

"Pessoas ociosas tentam o diabo a tentá-las. A atividade não nos fará cheios de graça, mas a falta de atividade pode fazer-nos estagnados ou depravados."C.H Spurgeon

Este é o quarto artigo de uma série sobre masturbação e pornografia.

Abaixo os links dos posts anteriores para você conferir:

1 - Masturbação é pecado ou necessidade?
2 - Masturbação e pornografia: tudo começa pela nossa visão...

3 - Pornografia e masturbação: cuide da sua mente...

quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Pornografia e masturbação: cuide da sua mente...

Imagem relacionada

Esta é a continuação da série de artigos sobre masturbação e pornografia (para ver os anteriores veja os links ao fim do texto).

No campo da mente:


Assim como os olhos a mente exerce bastante influencia sobre nossos comportamentos. A mente de um viciado na pornografia e na masturbação não tem paz (consigo e com Deus). Tudo se resume a satisfação de desejos à qualquer custo, de todas as formas e em todo lugar. O resultado não poderia ser outro...

Hoje não é difícil, por exemplo, presenciar pessoas alimentando suas mentes com conteúdos apelativos até em ônibus através de aparelhos celulares ou vê-las dialogando sobre "novidades" de um ultimo filme ou vídeo pornô no ambiente de trabalho e até em locais públicos.

Se sua situação estiver assim ou próxima disso continue lendo este texto! Deus tem orientações pra você!

A Bíblia diz que a paz de Deus guardaria nossos corações e pensamentos em Cristo. Mas para isso teríamos que investir na comunhão com Deus através da oração (na sua Bíblia medite em Filipenses 4:6-8). A oração ao contrário do que muitos pensam não é um conjunto de palavras bonitas e bem elaboradas, mas um rasgar de alma perante o Pai, uma oportunidade de expormos a Ele tudo o que passamos, vivemos e tudo o que atormenta nossa mente. Quando somos sinceros em nossa petição (nosso pedido e súplica) somos munidos com o perdão e a força do Pai para resistirmos aos intentos do diabo em nossa mente nos desviando de consumar suas idealizações.

O mesmo texto de referência acima ainda nos recomenda à pureza mental (se você ainda não pegou sua Bíblia, consulte, medite). E num mundo onde somos bombardeados diariamente com explícitos apelos sexuais e sensuais à nossa esquerda e direita, essa é uma tarefa impossível - caso não invistamos num relacionamento forte, verdadeiro, diário e constante com Jesus.

Se você não é casado(a), não se preocupe. Quando temos ligação com o Espírito Santo obtemos controle e domínio sobre nossos desejos. Estar solteiro não é motivo para abraçar imoralidade e viver com mente poluída.

O Senhor Jesus Cristo era solteiro. O apóstolo Paulo também. E eles não viviam em imoralidade mental ou prática. Isso porque o Espírito Santo (que é DOMÍNIO PRÓPRIO) era com eles. E mesmo que em algum momento o diabo tenha sugerido coisas em suas mentes, eles REBATERAM essas sugestões pela direção do Espírito que havia neles.

Ora, o mesmo Espírito que era com eles pode (e quer) ser com com cada um de nós! Mas não será se decidirmos pelo conforto de viver no pecado ao invés de partirmos para o confronto (mesmo que inicialmente cambaleando).

Se você parar e pesar as orientações do Senhor e compará-las às orientações da carne e do mundo, verá que a intenção de Deus é que a partir de uma mente sadia você tenha uma alma liberta.

Cuide de sua mente procurando mantê-la cativa à obediência a Cristo (2 Cor 10:4-5). Ocupe-a com as coisas de Deus (sacrifique suas práticas carnais, ore, medite na Palavra, se empenhe). Será um processo. Não evitará os pensamento pornográficos de imediato (principalmente nos casos de vício grave). Mas gradualmente as mudanças ocorrerão (com a ajuda de Deus em junção com o seu querer) e você chegará a libertação em o Nome do Senhor Jesus.

Este é o terceiro artigo de uma série sobre masturbação e pornografia, próxima semana continuaremos.

Abaixo os links dos posts anteriores para você conferir:

1 - Masturbação é pecado ou necessidade?
2 - Masturbação e pornografia: tudo começa pela nossa visão...

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Pornografia e masturbação: tudo começa pela nossa visão...


Resultado de imagem para ilustração pornografia vicio

No artigo anterior esclarecemos biblicamente a dúvida sobre a masturbação (se é pecado ou mera necessidade). Caso queira conferir CLIQUE AQUI.

A partir deste artigo listaremos semanalmente algumas atitudes que você pode tomar para se libertar da prática em vários aspectos: através da visão, da mente e do físico...

No campo da visão:

A área sexual é alimentada principalmente pela visão. E isso não é errado e muito menos vergonhoso. Deus nos fez assim com o propósito de sermos estimulados dentro do matrimônio e desfrutarmos de uma vida sexual PLENA, com ALTO, mútuo e completo interesse e desejo físico no corpo do parceiro(a). Porém o diabo (astuto como sempre) tem investido pesado nesta questão através da industria televisiva e cinematográfica com a pornografia. Antes em revistas, depois em filmes e novelas e agora bem mais fácil, na palma da mão através de celulares com prático acesso a internet. Através destes mecanismos ele tenta deturpar algo natural e dado por Deus (o desejo sexual visual) e nos tirar do plano original do Altíssimo para nossa sexualidade nos fazendo viciados na imoralidade.

A pornografia não traz  apenas consequências na vida de solteiros alimentando o vício na masturbação, mas espalha seus tentáculos na vida de muitos casais. Só a nível de exemplo é através da pornografia que muitos homens vêem cenas de sexo anal e depois tentam repetir o que "aprenderam" com suas respectivas esposas. Deturpando o sexo, trazendo dor (porque não existe prazer mútuo ali), problemas de saúde e muita confusão na vida de mulheres que cedem apenas para não perderem seus respectivos esposos para outra que o satisfaça (veja o que a Deus diz sobre a prática do sexo anal, a sodomia, em 1 Coríntios 6:10).

A questão é tão grave que através do que ele (o diabo) sugere, namorados traem namoradas (e vice versa) porque um não cedeu e outra pessoa surgiu, maridos traem esposas (e vice-versa) e tantos outros se masturbam loucamente trazendo para si mesmos prejuízos na área da saúde, no psicológico e atrapalhando até a vida profissional. Justamente porque se deixaram dominar pelas sugestões do mal e vivem guiados pela deturpação oferecida por satanás aos seus olhos.

Evite assistir aquela novela, filme ou programa que você sabe que tem forte apelo sensual e que te deixa "babando". Hoje as emissoras de televisão investem pesado na sensualidade para atrair audiência, se sobressair entre as demais empresas na pontuação do Ibope e ter maior faturamento com anunciantes. Faça uso do controle remoto de modo inteligente e escolha opções de programação que tragam conteúdo e enriquecimento cultural. Prefira assistir documentários ou filmes que somem à sua vida. Evite ficar babando em frente a tela assistindo homens de pouca rouba e mulheres com "trajes" mínimos. Se você faz uso de sites pornô, deixe de lado esta prática. Dar audiência a conteúdos que deturpam o sexo vai te fazer apelativo, pequeno, menos inteligente e vai te impulsionar ao vício cada vez mais profundo na masturbação. E a tendência é levar o praticante à prostituição (caso solteiro); levar o namorado(a) à queda espiritual por sugerir a todo momento iniciação a vida íntima; e ao adultério (caso seja casado) na tentativa de experimentar "novidades".

Se você chegou até este exato ponto do texto, pare e reflita em tudo que foi pontuado acima.

Percebeu todas as consequências negativas? Será mesmo que colocar os OLHOS nas deturpações que o mundo oferece para a área sexual gerando míseros minutos de prazer valem tanto a pena quando trazem uma série de infelicidades e infortúnios pessoais, sociais, conjugais e sobretudo ESPIRITUAIS?

Nossos olhos podem nos levar para o bem ou para o mal...

Uma das coisas que levou Davi a trair seu melhor soldado foram seus olhos. Ele colocou os olhos em Batseba nua (quando a mesma tomava banho). Percebeu a pornografia neste cenário? Ele a desejou, fantasiou e a possuiu mesmo sabendo das consequências e que aquela atitude significava traição humana e sobretudo a Deus. Depois disso um pecado levou a outro. No desespero ele forjou a morte de Urias para acobertar seu desvio. Se arrependeu perante Deus mas sofreu amargas e duras consequências em sua vida (leia 2 Samuel 11)...

Se Davi tivesse desejado ardentemente com seus olhos sua própria esposa (nua ou vestida), NÃO HAVERIA PECADO ALGUM!

Outro exemplo para meditação está em 2 Samuel 13, que relata o desejo sexual de Amnom (filho de Davi) sobre sua própria irmã Tamar. Diz a Bíblia que ela tinha muitos atributos físicos e foi violentada por seu irmão. Com certeza antes do ato ele alimentava com seus OLHOS pensamentos pornográficos a respeito de sua própria irmã e provavelmente tenha se masturbado pensando na mesma. Ele fingiu estar doente para criar uma situação e forçá-la ao sexo, consumando a idealização deturpada de seus olhos.

Estaremos prosseguindo neste assunto toda quarta-feira aqui no blog. Compartilhe o link deste post com um amigo ou amiga e espalhe orientações e reflexões de vida e fé.

Deus te abençoe e guie à libertação e Salvação.

quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Masturbação é pecado ou necessidade?

Não haveria pecado na prática se não houvesse a necessidade de criarmos um ambiente mental de luxúria! É aí que mora o problema! Como se excitar e se masturbar pensando numa paisagem ou numa esplêndida cachoeira? Quem consegue fazer isso merece ser estudado... Vai virar caso científico!

Imagem relacionada


Como conseguir atingir o orgasmo na masturbação se pensarmos em vegetação? Impossível! Todos os procedimentos com as mãos (ou seja lá com o que for) não será suficiente se não nos estimularmos no imaginário.

Com relação aos pensamentos a Palavra de Deus nos orienta a alimentarmos o que edifica nossa fé e o nosso espírito e não a nossa carne (confira em sua Bíblia e medite em Filipenses 4:10).

Com relação aos nossos desejos sexuais, apesar de normais, somos orientados a nos dominarmos e nos inclinarmos ao Espírito Santo. Se Deus nos orienta a nos inclinarmos ao Seu Espírito é porque ligados a Sua força teremos toda a estrutura e revestimento necessários para rejeitarmos nossas vontades e impulsos. A Palavra é clara que se nos inclinarmos ao Espírito teremos vida, e se à carne, teremos a morte espiritual - leia em sua Bíblia Romanos 8:6). No versículo 7 do mesmo texto diz ainda que as inclinações à nossa carne nos torna inimigos de Deus.

A Bíblia nos ensina a viver em santificação. Santificação requer decisão, esforço, dedicação, separação dos conceitos e práticas que o mundo tenta nos empurrar goela abaixo etiquetando como normal (ou como "descoberta do próprio corpo").

Como possuiremos nosso corpo em santificação e honra a Deus se nos inclinarmos a todos os nossos desejos (leia 1 Tessalonicenses 4:4)?

O que as pessoas tentam buscar na Bíblia é um versículo onde esteja escrito "não vos masturbeis". Mas isso não encontraremos. Não encontramos na Palavra de Deus o versículo "não vos drogueis" e entendemos que o uso de drogas contraria a direção divina pelo fato de trazer uma série de consequências desastrosas à vida (consequências visíveis a olho nu). Nos fazemos de cegos às consequências espirituais.

Porque será que nos sentimos tão mal (e acusados) imediatamente após os minutos de prazer obtidos na masturbação? É o pecado latejando nossa consciência envolvida na imoralidade e na luxúria.

A palavra fornicação (no original grego "porneia") significa toda prática imoral, tudo que foge do ideal divino para sexo entre homem e mulher em matrimônio. Daí temos o adultério, a pornografia, a prostituição e a masturbação...

A palavra do Senhor nos orienta expressamente a fugirmos da fornicação (1 Coríntios 6:18). Nos alerta que nosso corpo é templo do Espírito Santo (verso 19) e que fomos comprados por BOM PREÇO (O SANGUE DE JESUS, no verso 20).

Quando mandamos ver na masturbação sabendo das orientações de Deus neste sentido é como se entrássemos numa igreja, um ambiente para culto ao Senhor, e jogássemos lama, lixo. Da mesma forma sujamos nosso corpo quando nos prestamos a prática da masturbação.

Encontramos nas Sagradas Escrituras uma lista dos que não serão salvos (1 Coríntios 6:10). Na lista consta a fornicação (e a masturbação é uma forma de fornicação). Não adianta frequentar igreja, ter conhecimento da Palavra, louvar, estender as mãos, ter cargos ou funções... Se estivermos caracterizados nesta lista de alguma forma, não seremos salvos.

A boa notícia é que através da confissão (1 João 1:9) e do arrependimento (Atos 3:19) você pode zerar tudo e começar limpo com Jesus a partir de agora procurando zelar pelo seu corpo (templo do Espírito) em sacrifício de louvor a Deus.

No próximo post CONTINUAREMOS abordando este assunto (CLIQUE AQUI).
Divulgue o link deste post e fique ligado em nosso blog.
Medite em cada versículo deste estudo, confira na Bíblia e siga a Palavra.
Deus te abençoe e guie à Salvação.