terça-feira, 18 de novembro de 2014

Eu ODIAVA as músicas da Igreja

Não costumo falar muito de experiências pessoais. Porém, minutos antes de escrever este texto estava ouvindo uma música lindíssima e me veio algumas lembranças.

Lembranças de um período nada agradável. Tinha lá meus 14 anos (aproximadamente) quando passei por um período tenebroso. Eu simplesmente ODIAVA as músicas tocadas na rádio da Igreja (que minha mãe punha pra tocar, as vezes ao meio-dia e no fim da tarde às 18h). Quem está lendo isso e me conhece (bem ou pelo um pouco devido ao meu comportamento "certinho", como dizem) irá se assustar. Mas é exatamente isso! Em alguns casos colocava até as mãos nos ouvidos para não deixar a música entrar em minha mente.

Pra odiar uma música tão consagrada como essa só tem um diagnóstico: perturbação espiritual.

Muitas vezes pessoas "certinhas" ou "de bom comportamento" nutrem dentro de si perturbações e males infinitos. As vezes pior do que aqueles que declaram logo quem são.

Hoje eu vejo que tinha um demônio! TINHA - Graças a Deus (devido às correntes que com certeza minha família fez por mim) eu me libertei.

Não brigava com ninguém. Não gostava de músicas mundanas ou desrespeitosas mas ODIEI (sem falar para ninguém) durante um tempo, músicas como essa.

Olha como é a vida? Hoje esse cantor é um dos meus PREFERIDOS. No meu celular há aos montes suas canções. E a letra inspirada (uma poesia!) me eleva ao meu Senhor e Rei.

Espero que te eleve também! E que te faça bem...

Proponho esta reflexão: A libertação é uma etapa importante na caminhada com Deus e não pode, em hipótese alguma, ser pulada. Quem pula esta parte constrói sua casa sobre a areia e vive uma vida de mera hipocrisia.

Futuramente falarei mais profundamente sobre esse e outros episódios de minha vida - para nossa reflexão, amadurecimento e como testemunho público.

Ouça a música e veja (constate) como eu era matematicamente perturbado elevado ao quadrado (e muitos não percebiam)...

Que Deus nos abençoe!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...